A INFLUÊNCIA DA ECONOMIA CAFEEIRA NA ERA VARGAS

Com a crise de 1929, ocorreu uma super produção do café. Como o café era à base da econômica do Brasil, a crise poderia causar sérios problemas para outros setores econômicos, como a indústria e o comércio, o que seria um desastre.
O governo criou uma nova política cafeeira, propondo o equilíbrio entre a oferta e a procura, a elevação dos preços e a contenção dos excessos de produção.
Para aplicar essa política, Getúlio Vargas criou, em 1931, o Conselho Nacional do Café (CNC), que foi substituído em 1933 pelo Departamento Nacional do Café (DNC).
Com essa nova política era preciso destruir os milhares de sacas de café que estavam estocadas.
Em 1931 a 1944, foram queimados ou jogados ao mar, aproximadamente, 80 milhões de sacas de café. Foi proibido novas plantações durante três anos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s